sexta-feira, julho 20, 2007

Mutação


Mutável,
como uma duna
escaldante
desgasto-me
no adverso sobreviver
levado,
aos poucos,
por brisas, áridos ares
vendavais
multiplico-me em grãos
em desarvorado voar
sem rumo, exaurido
indefeso.

------------------------------------------

Prestigiem o Pseudo-Poemas. Leiam também o que publico no Cantábile. Em ambos estão os textos proibidos pela bíblia e pelo Vaticano. Leiam os blogs que estão linkados aqui, todos excelentes. E visitem os blogs do "Letras para Maiores". Surpreendentes. E agora também no Memórias Póstumas de um Puto Prestimoso.

Eu também não poderia deixar de mencionar o lançamento do livro BRINCANDO COM PALAVRAS, da amiga Márcia (Clarinha), link aqui ao lado. Se quiser ajudá-la, divulgue a obra publicada. Para adquirir o seu exemplar, visite o blog.

Fiz umas correções por sugestão de minha querida amiga Pri. Acho que ficou melhor.

  ©A Cor da Letra. Template e layout por layla

TOPO  

Clicky Web Analytics