quinta-feira, novembro 16, 2006

Máscara


Esconda-me
De minhas fantasias
Desejos
Mostre
A outra face
Engana
A quem me observa
Dissimula
Os sentimentos
Amarga máscara

9 leram:

Anônimo,  9:25 PM  

Todos nós, de vez em quando, usamos uma máscara. Contudo, acho que algumas pessoas a usam constantemente pois não conseguem ou receiam ser eles próprios. Esses sim são uns seres infelizes pois têm necessidade de enganar os outros acabando por se enganarem a eles próprios.

Beijo grande.

Stella 10:53 PM  

a máscara da fantasia, quando bem usada seduz

Jéssica 12:59 AM  

Cat, estamos em sintonia, olha só o q eu ia postar nessa sexta: 'O teu olhar de desejo massageia minha vaidade. Ilusão tua! - me mascaro pra seduzir'
Daí já tá postado aqui mesmo.
Linda sexta, beijos*.*

cantabile 9:43 AM  

Máscaras ... tão dispensáveis quanto necessárias .
Muitos beijos nessa sexta-feira com um belo céu azul , como sói ser os céus da primavera na Cidade de Pedro.

Jorge Sobesta 12:34 PM  

Ricardo,

Só agora descobri seu outro blog.
Muito bom!

Parabéns pela indicação lá no GB.

Um abraço.

Mônica Montone 3:33 PM  

Algumas máscaras são belas! Como esta!

beijos, querido e bom fim de semana

MM

ps: obrigada pelo pouso no Fina Flor

Emanuelle 4:12 AM  

Adorei. Quer ser um colaborador com poemas sensuais? Iria adorar mesmo! Beijos.

Daniele 8:04 AM  

Ricardo,

Maravilhosa sua poesia, e o que mais eu amo na mágica da escrita que se faz poesia é justamente nunca ser óbvia, deixar a face verdadeira velada, para que aqueles que possuem muito sentimento possam entender. Pq. jamais a razão pode sobrepujar o sentimento quando escrevemos algo poético, mister é o contrário...!
Ainda hoje quando postei escrevi sobre isso.

Ps:- Mas é claro que pode pegar o meu award. Eu ficarei honrada. !

Beijos,
Da amiga,
Dani.

Saramar 9:29 AM  

Infelizmente, sem máscaras não se vive.
Eu gosto desse seu estilo, quase árido, quase faca a nos picar.

Beijos

  ©A Cor da Letra. Template e layout por layla

TOPO  

Clicky Web Analytics